Denuncie esta foto
enfermeiroyu...
Rio de Janeiro - RJ
 

COLOSTOMIA E HIGIENE

COLOSTOMIA E HIGIENE

Estoma (ou ostoma) é uma abertura feita cirurgicamente no abdome, por onde o conteúdo dos intestinos (colostomia) será expelido e coletado para uma bolsa externa.
Colostomia é a porção do intestino exteriorizada através da parede abdominal. Pode ser permanente ou temporária e a consistência das fezes varia de acordo com a porção do intestino que foi exteriorizada. Há três tipos de colostomia:
 

- Colostomia ascendente: o estoma é feito na alça ascendente, lado direito do abdome. As fezes têm consistência semi-líqüida.
- Colostomia transversa: o estoma é feito na alça do transverso, no lado esquerdo ou direito do abdome. As fezes têm consistência pastosa.
- Colostomia descendente: o estoma é feito na alça descendente, no lado esquerdo do abdome. As fezes têm consistência semi-sólida.

Há um outro tipo de ostomia intestinal, chamado de ileostomia, que faz a comunicação do íleo com o exterior. Íleo é o nome dado à parte do intestino delgado que se conecta ao intestino grosso. O estoma é feito no lado inferior direito do abdome.
O estoma não pode ser controlado voluntariamente. Por essa razão, o paciente utilizará uma bolsa de coleta de fezes. Um dos maiores problemas com que os ostomizados se deparam, depois da operação, é a adaptação à vida normal com este novo componente.
São várias as preocupações: os cheiros, os ruídos, a reintegração social e profissional, as freqüentes idas ao banheiro, o tratamento da pele à volta do estoma e até mesmo a atividade sexual. Todas elas são legítimas, mas, superado o choque inicial, a maioria dos colostomizados volta às atividades normais, tomando os devidos cuidados de higiene e utilizando materiais adequados.
Para cada tipo de estomia existem bolsas com características específicas, que melhor se adaptam ao caso. De uma ou duas peças, há vários modelos à disposição no mercado, além de dispositivos que melhoram a qualidade de vida dos colostomizados, tais como filtros para controlar o volume e odor dos gazes.

 

 

 

Alguns cuidados

 

Evitar:

- carregar peso excessivo;
- praticar esportes que exijam muito esforço;
- cintos, fivelas ou outros artigos que comprimam o estoma.

 

 

 

Hábitos alimentares:

 

 

- evitar alimentos que produzam gazes e/ou odores fortes;
- consumir legumes, frutas e beber muito líquido;
- mastigar bem os alimentos.

 

 

 

Higiene:

 

 

- lavar a pele ao redor do estoma delicadamente, com um sabonete neutro;
- observar o estoma com regularidade: a pele à sua volta deve estar úmida, lisa, de cor avermelhada, livre de coceiras e/ou feridas;
- caso não esteja normal, procurar atendimento especializado.

 

 

 

Bolsas de colostomia

 

 

 

Há uma grande variedade de bolsas de colostomia, disponíveis no mercado.
O dispositivo a ser adotado deverá apresentar as características que melhor se adaptem ao paciente, tais como: o tamanho da bolsa deverá ser adequado para conter o volume de fezes eliminadas, possuir um adesivo antialérgico, que não irrite a pele ao redor do estoma e ser de fácil manejo.
Os cuidados com o estoma e a pele ao seu redor são fundamentais para prevenir complicações que poderão alterar o seu funcionamento normal.

A higiene deve ser feita, no mínimo, uma vez por dia, com gaze, algodão ou toalha macia, umedecidos com água morna e sabonete neutro. Após a limpeza, o local deve ficar bem seco. Soluções que contenham éter, álcool ou benzina, para remover resíduos de cola da placa que adere ao estoma, devem ser evitadas, pois podem causar irritação local ou outros danos.
Deve-se observar a cicatrização ao redor do estoma e possíveis alterações tais como edema (inchaço), odor e coloração da pele, que deve estar sempre bem avermelhada, com presença de muco e sem odor desagradável.
Importante: Qualquer alteração quanto à coloração, edema, presença de pus, sangramentos ou irritação no local ou ao redor do estoma devem ser imediatamente comunicados ao médico ou à enfermeira especialista.

...

Fontes:
- Associação Brasileira do Câncer http://www.abcancer.org.br/   )
- M.D. Anderson Cancer Center
- National Cancer Institute
...